Paulo e a citação de Epimênides – Tito 1.12

O texto de Tito 1.12 diz: Um dentre eles, seu próprio profeta, disse: Os cretenses são sempre mentirosos, bestas ruins, ventres preguiçosos.

É admirável a cultura enciclopédica de Paulo. Clemente de Alexandria e Jerônimo atribuem a devastadora caracterização a um poeta e reformador cuja data fornecida varia entre 630 e 500 a.C. Seu nome era Epimênides, natural de Cnossos, nas proximidades de Iráklion na costa norte de Creta, onde ainda hoje se pode visitar o museu que contém os tesouros extraordinários da era minóica.

Os antigos consideravam Epimênides um profeta, “um homem divinamente inspirado” (segundo Platão), “um homem querido dos deuses” (segundo Plutarco). Paulo não tenciona dizer que o poeta cretense é realmente um profeta no sentido bíblico. Quer dizer “um homem que, por eles e outros, era considerado profeta, um porta-voz dos deuses”.

Sobre a referência à atividade supostamente profética de Epimênides, Platão escreveu o seguinte:

“Esse homem divinamente inspirado, Epimênides.. nasceu em Creta, e dez anos antes da guerra persa, de acordo com o oráculo de deus, foi a Atenas…; e quando os atenienses se viram tomados de temor em razão das forças expedicionárias dos persas, fez esta profecia: Eles não virão por dez anos, e quando vierem, voltarão outra vez, não havendo realizado nada do que esperavam (realizar), e havendo sofrido dores do que terão infligido”.

Foi esse Epimênides que, segundo Diógenes Laércio, aconselhou aos atenienses que fizessem sacrifícios “ao deus mais conveniente”, conselho que pode ter levado à edificação do famoso altar “ao deus desconhecido”, que proporcionou a Paulo o ponto de partida para a proclamação do Deus vivo (At 17.23).

A citação de Epimênides, aqui em Tito 1.12, é um poema que consiste em seis pés métricos (verso hexâmetro).

A representação dos cretenses como enganadores e mentirosos pode ter surgido da pretensão deles de terem em sua ilha o túmulo de Zeus. Mas a reputação dos cretenses de serem mentirosos a fim de lograr fins egoístas (o contexto do vs 11) era tão amplamente difundida que origem ao substantivo “cretismo”, que quer dizer “conduta cretense” ou “falar como cretense”, significando: “dizer a mentira”, “enganar”.

A expressão “bestas ruins”, demonstra o caráter selvagem e cruel dos cretenses dos dias de Epimênides e dos dias de Paulo e Tito. Costumavam arredar todos de seu caminho para obterem vantagem pessoal.
“Ventres inativos”, estigmatiza os cretenses como glutões, indolentes e ávidos por sexo. Os cretenses, pois, são falsos, egoístas e amantes dos prazeres.

Nele, que se fez conhecido por seu Filho

Pr. Marcelo de Oliveira

Bibliografia: Wiersbe, Warren. Comentário Expositivo. Geográfica Editora
Hendriksen, William. 1 e 2 Timóteo e Tito. Ed. Cultura Cristã

23 Responses to Paulo e a citação de Epimênides – Tito 1.12

  1. Edson Camargo disse:

    Paulo ensina aí a fazer crítica da cultura, como se dissesse:"vejam, um dentre eles, diz isso sobre seu próprio povo. E eu concordo". No texto bíblico, ele emenda: "Tal testemunho é exato".

    Quanta diferença das análises politicamente corretas e cheias de afetações de multiculturalismo mundano feitas pelos pretensos candidatos à intelectuais do meio evangélico de hoje… Temos um pelotão de gente delicada demais para dar um parecer concreto sobre a realidade com base na Palavra, com método, e livre da preocupação em agradar o mundo ou quem quer que seja.

    Com Paulo não tinha chororô.
    Abraço, pastor.

  2. Olá.Ricas inoformações em seu blog. Visual muito bonito também. Onde tem desses?..rs..

  3. Anonymous disse:

    Estimado Prº Marcello de Oliveira
    Shalom.

    Jovem erudito "judeuzinho" rsrsrs. Com todo o respeito é claro.
    Louvado seja o Deus dos Céus pela sua vida.
    Poucos olhos conseguem perceber o que muitos olhos não enxergam. (JRS).
    "Parafraseando" As muitas letras têm lhe feito sábio e o querido Espírito Santo tem lhe capacitado como um hábil esgrimista no manejo das Sagradas Letras.

    Parabéns por tão excelente matéria.

    Fraternalmente em Cristo Jesus,

    José Roberto Santana, 45 Pb.
    Um dos remanescentes lutando para ser achado fiel no grande dia "encontro nas núvens"
    Jesus prometeu. Ele voltará para nos levar.
    blog:http://o-remanescente.blogspot.com/

  4. Graça e Paz, pastor!

    Ótimo texto!
    Belíssimo layout… ficou muito bom mesmo!
    Parabéns!

  5. Pr. Marcello oliveira;

    Shalom;

    Parabéns pela bela exposição deste texto, uma boa aula para quem gosta de aprender mais das Escrituras Sagradas.

    Que o Eterno continue sendo contigo;

    seu conservo menor;

    Ev. Anderson Araujo.

  6. Shalom!

    Amado Edson, grato por seu comentário. Seja sempre bem vindo à este espaço!

    Nele, que deixou sua marcas nas histórias e culturas

    Pr. Marcelo

  7. Shalom!

    Amado Pb José Roberto, tenho dedicado minha vida, a estudar e aprofundar-me no Livro dos Livros -A Bíblia Sagrada. Amo este Livro! Ore por mim, para que Deus continue dando-me graça e sabedoria para entender os mistérios do evangelho.

    Um abraço, Pr Marcelo

  8. Shalom!

    Prezado Ev. Anderson, grato por seu comentário e participação. Continuemos a crescer na graça e no conhecimento do nosso Deus.

    Nele, Pr. Marcello

  9. É muito bom ter conhecimento destas coisas, porque a história, seja ela bíblica ou não, faz parte da cultura e é essencial para que o cristão não passe por "burro" aos olhos deste mundo.

    Parabéns pelo blogue e pelo texto.

    Um forte abraço, Deus abençoe.

  10. wallysou disse:

    Pr. Marcello, apz.

    gostei de suas msg e de seu blog, estou seguindo-o.

    obg por sua visita ao meu blog, e seu coment lá.

    Fp 4.19

    wally.

  11. Benção, é bom saber que existe cultura cristã, e literatura de qualidade.
    um forte abraço Pastor ótimo

  12. Oi Pastor Marcelo de Oliveira!!
    Shalom!!!
    Obrigada pela visita no meu blog, li a mensagem biblica que alias fez um trocadilho com o meu nome:… na tua luz, vemos a luz..(rs) mas eu só sou luz por que Ele é minha Luz..
    Muito rico em cultura este texto sobre Paulo e Epimenides… Um forte abraço e Deus te abencoe!
    Graça e Paz!

  13. Pastor Marcelo, graça e paz seja contigo! Fiquei feliz pela sua visita no OJC e meditei e tenho meditado no salmo que você me deixou. Interessantíssimo esse post, me lembrou muito o livro "O Fator Melquisedeque", creio que você até citou o respectivo autor. Desejo que o Senhor ilumine dia após dia os seus passos e que abençoe mais e mais pessoas através do seu Blog! Deixo para você meditar o salmo 55:22! No amor de Cristo,
    Servo de Jesus Cristo o Rei dos Reis (SDJCRR)

  14. Pr. Marcello:

    Viria daí a palavra "cretino"?
    O clássico Fator Melquisedeque, de Don Richardson, dedica alguns comentários a esse poema citado por Paulo.

  15. Ralf disse:

    Olá Pr Marcelo, li seu texto conforme indicado no seu comentário em meu blog, não sei por obra do destino de Deus mas sou amante das escrituras e fui seminarista de escola reformada (calvinista) tranquei para entrar no universo das artes visuais, contudo, pretendo voltar e fazer um link entre teologia arte e cultura (vide: arte e a Bíblia, Schaeffer, Francis A.) sendo fiel ao meu chamado nas artes (graça comum) fazendo desta uma porta de entrada para o conhecimento da Verdade, não pretendo fazer arte religiosa a fim de tentar justificar minha paixão por Cristo, estaria sendo injusto. Estas primeiras obras que postei no meu blog são fruto de uma depressão metafísica que sem o conhecimento de Deus podem levar qualquer homem a loucura, mas assim mesmo busquei retratar, apostando nas cores como salvação da obra! Gostei do seu blog! Fica na paz! e se puder visite meu outro blog: desarte.wordpress.com

  16. Walace Anderson disse:

    ???? ???
    É um prazer muito grande estar visitando este rico e aproveitável Blog.
    Que o Eterno Jesus, continue lhe alimentando para que possas nos alimentar com a Palavra do Eterno.

    Shalom,
    Moreh Wallace R.J

  17. Marcello de Oliveira disse:

    Todá Rabá Moré Wallace, por seu comentário. Fique a vontade neste site. Volte mais vezes!

    Grato, Pr Marcello

  18. Wilson disse:

    Paz! Muito bom mesmo o site. Parabéns. O que significa "davar"?

  19. Marcello de Oliveira disse:

    PAZ!

    Davar, é uma palavra hebraica que significa: PALAVRA.

    Att, Rev. Marcello

  20. Yossef Ben Yahudah disse:

    Esta é uma forma de paradoxo lógico conhecido comumente com o “Paradoxo de Epimênides”: “Um cretense disse: ‘todos os cretenses são mentirosos’”. Se, como Paulo afirma, este enunciado é verdadeiro, então o enunciado é falso, já que um cretense mentiroso o fez. Estas afirmações – que o enunciado é verdadeiro e o enunciado é falso – se contradizem e violam a Lei da Não-Contradição, já que um enunciado não pode ser verdadeiro e falso ao mesmo tempo. O apologista islâmico M.S.M Saifullah declarou, sobre Tito 1.12: “o escritor Paulo, pelo menos nesta ocasião, não teve a Orientação Divina, já que não percebeu a sutiliza”(Saifullah, 1999). Qual é a resposta cristã a este ataque contra a infalibilidade da Palavra inspirada?

    O primeiro passo para entender esta suposta contradição é levar em consideração que Epimênides era um poeta. Os poetas, dramaturgos e outros escritores, algumas vezes usam uma técnica literária conhecida como hipérbole, que é uma exageração deliberada usada para argumentar. Dizer que os cretense são “sempre mentirosos, bestas ruins, glutões ociosos” é dizer que a sociedade cretense como um todo era imoral e decadente, não necessariamente que cada indivíduo na sociedade era um mentiroso, uma besta ruim e um preguiçoso. Não existe paradoxo quando se considera a hipérbole encontrada em Tito 1.12. Epimênides havia feito um enunciado exagerado acerca da conduta do povo de Creta, e Paulo estava citando-lhe para mostra a Tito a dificuldade que enfrentavam os presbíteros cretenses. Paulo não estava afirmando uma contradição, mas estava seguindo um costume literário. Mais uma vez, a Bíblia resplandece como um livro inerrante que permitiu que os estilos de escritas dos autores permanecessem intacto, enquanto manteve a integridade da Palavra inspirada de Deus.

  21. Marcelo disse:

    Gostei muito do seu artigo! Estava fazendo uma pesquisa sobre o assunto, pois estou lendo o livro O fator Melquisedeque, foi muito bom ter encontrado. Gostei tanto que copiei e coloquei em meu blog, claro, com todas as suas referências, seu nome e seu site.

    Deus o abençoe.

  22. Analeide rosa disse:

    Parabéns. Como é bom aprender mais sobre o contexto bíblico. Deus o abençoe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *